Alimentos que ajudam a combater a ansiedade

Sabemos que a ansiedade é um mal que atormenta a atualidade. Mas você sabia que alguns alimentos ajudam a controlar a ansiedade além de serem uma ótima opção em termos de alimentação balanceada a serem inseridos na sua dieta?

 

chocolate-amargo-ansiedade

1- PEIXE

Peixe é um alimento rico em ômega 3, que reduz em até 20% os níveis de ansiedade.

2 – CHOCOLATE DO BEM

Alimentos como chocolate amargo, banana e manga são alimentos ricos em triptofano, que antecedem a serotonina, nos remetendo a sensação de bem estar.

3 – CASTANHAS

Cereais e grãos integrais, abacate, nozes, castanhas, amêndoas e vegetais de folhas verdes possuem magnésio, substância que bloqueia um receptor chamado NMDA, que causa ansiedade e estresse.

4- LIMÃO

Não apenas o limão, mas alimentos ricos em vitamina C, ajudam a reduzir a produção de cortisol, hormônio do estresse, e combate os radicais livres, moléculas nocivas que fazem a festa em momentos de tensão. Consuma mais acerola, limão, laranja, morango, caju, brócolis e rúcula.

5-  CHÁ

Sabe o que a Secretaria de Saúde de Maringá (PR) usa na rede pública como calmante suave? A erva valeriana. Até três xícaras de chá (coloque a erva seca em água fervente) por dia podem acalmar e tirar a dor no ombro e no pescoço provocada por tensão muscular.

 

FONTE: http://mdemulher.abril.com.br/

10 famosos que fizeram Psicologia

Será que você sabia dessa curiosidade? Então vamos lá, segue aqui embaixo a lista de 10 famosos que você não sabia, mas já fizeram Psicologia!

 

  1. Natalie Portman

A atriz Natalie Portman estudou Psicologia em Harvard e se formou em 2003.

 

nati

 

2 .  Mark Zuckerberg

O criador do Facebook, Mark Zuckerberg estudou Psicologia em Harvard.

 

Mark-Zuckerberg1

 

3. Eva Longoria 

A atriz Eva Longoria, do seriado Desperate Housewives estudou na Universidade do Texas

 

eva

 

4.  Jerry Bruckheimer

Jerry Bruckheimer, produtor de cinema famoso pela série CSI e pelos filmes Piratas do Caribe e Pearl Harbor, estudou Psicologia na Universidade do Arizona.

HOLLYWOOD, CA - JUNE 24:  Jerry Bruckheimer is honored on the Hollywood Walk Of Fame on June 24, 2013 in Hollywood, California.  (Photo by Mark Davis/Getty Images)

 

5.  Hugh Hefner

Hugh Hefner, fundador da revista Playboy estudou Psicologia na University of Illinois.

 

hugh-hefner-playboy

 

6. Claire Danes

Claire Danes, famosa por ter feito o papel da Julieta no famoso filme Romeu e Julieta com di Caprio, fez dois anos de Psicologia, mas acabou largando por causa da agenda.

claire_danes300a

 

7. Leonardo Miggiorin

Leonardo Miggiorin, ator da Globo, se formou em psicologia em 2013, abriu um consultório na Avenida Paulista.

leonardo-miggiorin-71-e1340916298384

 

8. Eliana

A apresentadora Eliana cursou a faculdade de Psicologia por três anos, mas não se formou, optou pela carreira na TV

FG8ojV_4

 

9.Tiago Leifert

Tiago Leifert além de jornalista e apresentador, cursou Psicologia em Miami.titi

 

10. Marisa Orth

Marisa Orth é o oposto de sua famosa personagem, Magda. Marisa formou-se em Psicologia na PUC e em artes cênicas na USP.

atores-marisa-orth-3fd2d9

Vigorexia

Você já ouviu falar?

Pode ser conhecido como o “Transtorno das Academias”.

A vigorexia, transtorno dismórfico muscular ou Síndrome de Adonis, é uma doença psicológica caracterizada por uma insatisfação constante com o corpo, que afeta principalmente os homens, levando-os à prática exaustiva de exercícios físicos.

É um distúrbio já classificado como uma das manifestações do espectro do transtorno obsessivo-compulsivo.

 

foto-Vigorexia-112

 

  • Interfere na visão desvirtuada que os portadores têm do próprio corpo.
  • Diante do espelho do espelho os vigoréxicos se veem fracos, magrinhos, franzinos, apesar de fortes e muito musculosos.
  • A autoimagem distorcida leva os portadores de vigorexia à prática exagerada de exercícios físicos, em busca do corpo perfeito de acordo com os padrões de belezaimpostos pelos valores da sociedade contemporânea.

 

 

vigorex

 

  • Essa insatisfação constante com o próprio corpo e com a massa e força musculares faz com que incorporem novos hábitos e comportamentos à sua rotina de vida.
  • Vigoréxicos passam horas e horas nas academias, sempre aumentando a carga dos exercícios.
  • Paralelamente, introduzem alterações na dieta constituída basicamente por proteínas, passam a consumir suplementos alimentaressem orientação e recorrem ao uso deesteroides e anabolizantes.

 

SINTOMAS

O principal sintoma da vigorexia é o fato de o indivíduo estar em ótima forma física e continuar achando que seu corpo é inadequado, por ser muito fraco. Outros sintomas são:

  • Dor muscular persistente por todo o corpo
  • Cansaço ao extremo
  • Irritabilidade
  • Depressão
  • Anorexia/ Dieta muito restritiva
  • Insônia
  • Aumento da frequência cardíaca ao repouso
  • Menor desempenho durante o contato íntimo
  • Sentimento de inferioridade

 

Imagem-Blog

 

As causas da vigorexia são psicológicas, eles ficam sempre insatisfeitos com os resultados, apesarem de serem muito fortes e terem músculos desenvolvidos.

Visando um ideal inatingível de beleza, em razão de sentimentos de inferioridades e negativismo da própria imagem, os portadores estão mais suscetíveis a desenvolverem quadros de depressões e ansiedade.

TRATAMENTO

O tratamento mais indicado em caso de vigorexia é a psicoterapia, cujos objetivos serão fazer o indivíduo aceitar-se como realmente é e aumentar a sua autoestima. Além disso, pode ser necessário tomar medicamentos à base de Serotonina e uma alimentação equilibrada, orientada por um nutricionista.



 

Referências

  • Blog do Doutor Auro Éder Pereira
  • www.tuasaude.com

Psicologia e Música

Você já ouviu falar em musicoterapia? 

Bom, todo mundo sabe que tem um gosto musical para tudo, umas músicas que nos tocam profundamente e mexem com toda nossa rotina. Só de ouvir a música que gostamos já nos faz um bem danado. E ai? Já pensou em juntar música com terapia?

Music therapy, musical notes in the head

  • Exploramos o universo sonoro musical dentro do sujeito, dentro das suas subjetividades e suas histórias, para encontrar as estrategias conhecidas do universo das musicas para corresponder as necessidades de cada um
  • A música pode sim nos trazer beneficieis, pois além da alegria do momento de se ouvir uma música que goste, ajudar a diminuir estresse e uma series de doenças adjuntas, facilita também o trabalho de grupos, sobretudo de indivíduos com transtornos psíquicos, problema de linguagem e até mesmo uma capacidade motora pode ser melhorada através da musicoterapia.
  • A musicoterapia é um ramo da ciência que tenta colocar em pratica com a música e seus elementos (ritmo, harmonia, melodia, ruído, silêncio…
  • Algumas áreas que o musicoterapeuta pode atuas:
    1. Hospitais, clínicas ou centros de geriatria e gerontologia
    2. Promovendo a reabilitação de dependentes químicos e a na reintegração de menores infratores.
    3. Auxiliando estudantes com dificuldades de aprendizagem
    4. Contribuindo para melhorar a qualidade de vida de idosos e pacientes de doenças crônicas
    5. No auxilio a pessoa com stress pôs-traumatico, vitimas de acidentes e meditação.
    6. Em sessões para ampliar o universo musical ou com fins de relaxamento e meditação.
    7. Reabilitação motora
    8. No restabelecimento  das funções de acidentes ou covalentes de AVC.

Psicologia da Mentira

Vocês já ouviram falar de Psicologia da Mentira?

Bom, uma pessoa conta em geral 3 mentiras a cada 10 minutos, assim afirma Robert Feldman, professor de psicologia da Universidade de Massachusetts, nos Estados Unidos, e autor do livro “Quem é o mentiroso da sua vida?”.

As pessoas que dizem que não mentem de cara já estão mentindo. Pois a mentira pode ser motivada pela timidez e vergonha ou ate mesmo orgulho. Dai soltamos as mentirinhas brancas, inocentes e despretensiosas, aquelas que achamos que não fazem mal a ninguém, não é mesmo? E tem até aquelas mentiras que contamos para alegrar os outros do tipo: Nossa, adorei sua bolsa nova,/Seu cabelo está tão lindo!

Ou seja, mentimos para evitar magoar as pessoas que gostamos e também para evitar situações constrangedoras.

 

3247

 

De modo resumido, a mentira surge em nossas vidas já na infância. As técnicas de dissimulação geralmente são aprendidas pelas crianças desde cedo. Um exemplo é quando os pais repreendem a frustração demonstrada pelo filho ao receber um presente que não o agradou. Os responsáveis costumam obrigar o pequeno a agradecer, quando notam algum desapontamento na criança. E isso pode ser considerado uma forma de estimular a mentira social.

froid

“Quem tiver olhos para ver e ouvidos atentos pode convencer-se de que nenhum mortal é capaz de manter segredo. Se os lábios estiverem silenciosos, a pessoa ficará batendo os dedos na mesa e trairá a si mesma, suando por cada um dos seus poros!” • Sigmund Freud

 

Para ajudar você a identificar um mentiroso, Wanderson Castilho listou abaixo 8 dicas simples de observação. Confira:

  • Lábios: morder ou lamber os lábios pode ser um forte indício de mentira.
  • 2  Voz: quem mente fica com as cordas vocais mais esticadas que o normal, deixando a voz mais fina e fraca. Para compensar, a pessoa tenta falar mais alto.
  • Olhar: o mentiroso desvia o olhar enquanto conta a sua mentira e depois passa a olhar atentamente, querendo observar se conseguiu enganar.
  • Secura: em função de uma reação da adrenalina, o mentiroso fica com a garganta e boca secas, sendo comum se engasgar ou engolir seco.
  • 5  Encobrir parcialmente a boca: traduz uma vontade de amordaçar-se. Tende a ser um gesto rápido, porque exprime um conflito: uma parte do mentiroso não quer calar-se – e sim continuar com a sua mentira.
  • 6   Tocar o nariz: em momentos de tensão a sensibilidade da mucosa nasal aumenta. Assim, ao mentir, o nariz coça, embora possa ser uma sensação tão suave que mal se perceba.
  • 7   Ombro: erguer levemente um dos ombros.
  • 8   Expressão facial falseada: quando somos genuínos, usamos os músculos faciais certos para expressar uma emoção. Num sorriso moderado e falso, não aparecem os pés de galinha, as bochechas não são levantadas e os olhos ficam menos apertados. Num sorriso real, mais músculos são utilizados e a pálpebra superior dobra-se um pouco sobre os olhos.

Estão vendo meninas? Se prestarmos atenção ao que eles nos dizem assim como o que eles não verbalizam de modo direto, podem estar nos dando dicas de potenciais mentirosos! Então, apenas basta prestar atenção! hahahaha


 

Espero que tenham gostado desses post, e deixam aqui ou no meu ig @layza.ro mesmo, dicas e sugestões para os próximos assuntos! :) Desde já agradeço o carinho de vocês comigo.

Quem tem medo de William Reich?!

Hoje falaremos um pouco sobre um dos mais polêmicos psicólogos. William Reich.

reich

 

Biografia Wilhelm Reich

– Nascido em 24 de março de 1897 na Áustria e falecido em 1957 numa prisão americana vitima de um ataque cardíaco.

– Tragédias familiares (suicídio da mãe, pessoa que Reich idolatrava, o pai e o irmão morreram de tuberculose).

– Ingressou na IPA (Associação Internacional de Psicanalise) enquanto ainda estudante de Medicina.

– Em 1921 passou a atender pacientes encaminhados por Freud, na Sociedade Psicanalítica de Viena, onde mais tarde em 1922  tornou-se diretor, sendo o primeiro assistente clinico de Freud.

– Fundou o instituto Orgon para manter suas pesquisas em energia Orgônica.

– A partir dos seus estudos sobre o manejo clinico da transferência e resistência, desenvolveu a Analise do Caráter, uma das mais importantes contribuições à abordagem clinica da psicanalise.

– Sua atuação político-social custou-lhe muitas perseguições, custou-lhe também o seu desligamento da IPA, uma vez que seus dirigentes temiam que seu envolvimento político pudesse ameaçar a sobrevivência desta sociedade.

– Reich foi, foi um importante pioneiro no estudo dos fenômenos psicossomáticos. Suas descobertas não se limitam a explicar o envolvimento psíquico nas doenças orgânicas, mas também o envolvimento de disfunções corporais no caráter neurótico e nas psicopatologias.


 

Influências – Psicanálise

De acordo com Ponciano (1985) Reich estava fortemente energizado na teoria psicanalítica, suas primeiras contribuições baseiam-se nos conceitos de couraça do caráter, que se desenvolveu a partir da concepção psicanalítica da necessidade do ego de se defender contra forças instintivas.

Em seus trabalhos sobre energia vital e orgônica que se derivaram em partes da concepção Freudiana de libido, sendo libido uma energia psíquica real, Reich por vezes chegou a perceber a teoria quanto um processo em que seu proposito é de permitir o livre fluxo de energia pelo corpo todo.  Fala então que utilizando o corpo irá se chegar ao inconsciente, onde à dinâmica terapêutica modifica-se, e o ambiente dessa terapia irá promover a participação do corpo, em uma relação intensa entre terapeuta e cliente (Ponciano, 1985).

Teoria Corporal e seus conceitos

Ponciano (1985) coloca que Reich em seu trabalho terapêutico, destacou a importância de lidar com os aspectos físicos do caráter da pessoa, modelo que ele nomeou como couraça muscular. Essas couraças são reconhecidas nas tensões musculares crônicas, sendo elas sete segmentos ou anéis da couraça: olhos, boca, pescoço, tórax, diafragma, abdome e pelve.

Onde as primeiras contribuições estão ligadas a seus conceitos de caráter e couraça caracterológica, ainda coloca que o caráter de uma pessoa contém um padrão de defesas habituais e conscientes.

Primeiramente temos como objetivo dessa terapia a libertação de emoções por meio do trabalho com o corpo, com a finalidade de que o cliente consiga atingir potência orgástica, ou seja, dissolva suas couraças para sua energia voltar a fluir.

Corpo

Para Reich, citado por Ponciano (1985), o corpo e a mente eram vistos como uma só unidade. Em toda sua obra Reich fala sobre o corpo nas suas diversas manifestações, pois este é uma expressão visível do interior de cada um, ou seja, se conseguimos observar o corpo poderemos colher informações básicas que são necessárias para um trabalho sério e integrado, pois esse corpo é uma expressão de toda uma realidade, sendo um mensageiro fiel das nossas realidades internas.

Caráter

“É um composto das atitudes habituais de uma pessoa e de seu padrão consciente de resposta para várias situações. Inclui atitudes e valores conscientes, estilo de comportamento como a timidez e agressividade, e atitudes físicas como a postura, hábitos de manutenção e movimento do corpo” (Ponciano, 1985 p. 92).

O caráter do individuo também é expresso corporalmente sob a forma de rigidez muscular ou couraça muscular.

Couraça Caracterológica

Esse conceito inclui a soma total de todas as forças defensivas repressoras. Trata-se de um mecanismo de defesa com a função de proteger o individuo de experiências desagradáveis, no entanto provoca redução da capacidade do organismo para o prazer, sendo uma proteção contra tudo aquilo que nos ameaça interna e externamente (Ponciano, 1985).

Ainda segundo Ponciano (1985) A formação da couraça se inicia na infância e se dá por algo construído e não natural, se formando através da relação entre a satisfação e a frustração dos impulsos. A couraça então irá servir para restringir o livre fluxo da energia e também para livre expressão de emoções do individuo.

Tendo em vista esses dois últimos conceitos como os mais importantes dentro da teoria, precisamos relatar sobre a perda dessa couraça Muscular, onde Ponciano (1985) relata que Reich desvendou que a perda da couraça muscular liberava a energia libidinal e ajudava o processo de psicanalise. Esse trabalho psiquiátrico lidava cada vez mais com a libertação de emoções por meio do trabalho com o corpo.

“Descobriu ainda que tensões musculares crônicas servem para bloquear uma das três excitações biológicas: ansiedade, raiva e excitação sexual. Concluiu que a couraça física e psicológica eram essencialmente a mesma coisa” (Ponciano, 1985, p. 94).


 

Não podemos falar de Reich sem falar de sua grandiosa contribuição no que se diz respeito ao Orgon, e sua caixa orgânica, onde por meio deste vídeo que será apresentado nos diz muita informação. Esse videio é muito pratico e maravilhoso sobre tudo aos alunos que estão fazendo trabalho sobre Reich, E sendo você estudando ou não de psicologia, vale muito a pena dar uma olhada na caixa orgânico.

Psicologia e Cinema

 

Lista de 10 filmes que todos os estudantes e profissionais de Psicologia devem assistir

1 – AmnesiaAA

Um ladrão ataca um casal, terminando por matar a mulher e deixando o homem à beira da morte. Porém, ele sobrevive e a partir de então passa a sofrer de uma doença que o impede de gravar na memória fatos recentes, o que faz com que ele esqueça por completo o que acontece poucos instantes antes. A partir de então ele parte em uma jornada pessoal a fim de descobrir o assassino de sua mulher para poder vingá-la.


2 Laranja Mecânica

        Laranja

Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma reposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A estranha linguagem utilizada por Alex – soberbamente engendrada pelo autor – empresta uma dimensão quase lírica ao texto. Ao lado de ‘1984’, de George Orwell, e ‘Admirável Mundo Novo’, de Aldous Huxley, ‘Laranja Mecânica’ é um dos ícones literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século XX. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Kubrick, é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais será o mesmo.


Precisamos falar sobre Kevin

kevin

Precisamos Falar Sobre Kevin discute casamento e carreira; maternidade e família; sinceridade e alienação. Denuncia o que há de errado com culturas e sociedades contemporâneas que produzem assassinos mirins em série e pitboys. Um thriller psicanalítico no qual não se indaga quem matou, mas o que morreu. Enquanto tenta encontrar respostas para o tradicional “onde foi que eu errei?” a narradora desnuda, assombrada, uma outra interdição atávica: é possível odiarmos nossos filhos?


Beleza Americana

                                                                   AmericanBeautyPoster

Lester e Carolyn Burnham são supostamente um casal comum, cujo casamento desagregado provoca uma tempestuosa mudança em sua aparentemente perfeita vizinhança.


Garota Exemplar

                                                    gone-girl

 

Amy Dunne (Rosamund Pike) desaparece no dia do seu aniversário de casamento, deixando o marido Nick (Ben Affleck) em apuros. Ele começa a agir descontroladamente, abusando das mentiras, e se torna o suspeito número um da polícia. Com o apoio da sua irmã gêmea, Margo (Carrie Coon), Nick tenta provar a sua inocência e, ao mesmo tempo, procura descobrir o que aconteceu com Amy.


 

6 Para Sempre Alice

A Dra. Alice Howland (Julianne Moore) é uma renomada professora de linguistica. Aos poucos, ela começa a esquecer certas palavras e se perder pelas ruas de Manhattan. Ela é diagnosticada com Alzheimer. A doença coloca em prova a a força de sua família. Enquanto a relação de Alice com o marido, John (Alec Baldwinse), fragiliza, ela e a filha caçula, Lydia (Kristen Stewart), se aproximam.

Cinemascope-Para-sempre-Alice-11


Cidade dos Sonhos

cidade-dos-sonhos

Um acidente automobilístico na estrada Mulholland Drive, em Los Angeles, dá início a uma complexa trama que envolve diversos personagens. Rita (Laura Harring) escapa da colisão, mas perde a memória e sai do local rastejando para se esconder em um edifício residencial que é administrado por Coco (Ann Miller). É nesse mesmo prédio que vai morar Betty (Naomi Watts), uma aspirante a atriz recém-chegada à cidade que conhece Rita e tenta ajudar a nova amiga a descobrir sua identidade. Em outra parte da cidade o cineasta Adam Kesher (Justin Theroux), após ser espancado pelo amante da esposa, é roubado pelos sinistros irmãos Castigliane.


 

O Discurso do Rei

Desde os 4 anos, George (Colin Firth) é gago. Este é um sério problema para um integrante da realiza britânica, que frequentemente precisa fazer discursos. George procurou diversos médicos, mas nenhum deles trouxe resultados eficazes. Quando sua esposa, Elizabeth (Helena Bonham Carter), o leva até Lionel Logue (Geoffrey Rush), um terapeuta de fala de método pouco convencional, George está desesperançoso. Lionel se coloca de igual para igual com George e atua também como seu psicólogo, de forma a tornar-se seu amigo. Seus exercícios e métodos fazem com que George adquira autoconfiança para cumprir o maior de seus desafios: assumir a coroa, após a abdicação de seu irmão David (Guy Pearce)

rei


 

Psicopata Americano

Patrick Bateman (Christian Bale) jovem, bonito e sem nada que o diferencie de seus colegas de Wall Street. Protegido pela conformidade, privilégio e riqueza, também é um serial killer, que vaga livremente e sem receios em busca de uma nova vítima. Seus impulsos assassinos são abastecidos por um zeloso materialismo e uma inveja torturante quando ele encontra alguém que possui mais do que ele. Após um colega dar-lhe um cartão de visitas melhor que o seu em tinta e papel, a sede de sangue de Bateman surge e ele aumenta ainda mais suas atividades homicidas, tornando-se um perigoso e violento psicopata.

3781900_0


 

10 Um Corpo que Cai

Em São Francisco, o detetive aposentado John ‘Scottie’ Ferguson (James Stewart) sofre de um terrível medo de alturas. Certo dia, encontra com um antigo conhecido, dos tempos de faculdade, que pede que ele siga sua esposa, Madeleine Elster (Kim Novak). John aceita a tarefa e fica encarregado da mulher, seguindo-a por toda a cidade. Ela demonstra uma estranha atração por lugares altos, levando o detetive a enfrentar seus piores medos. Ele começa a acreditar que a mulher é louca, com possíveis tendências suicidas, quando algo estranho acontece nesta missão.

Wallpapers for Desktop with wallpaper, vertigo, film, movie, background